04 abril 2008

Deus está morto - O homem o matou!

Quantas vezes você contempla o lindo Céu estrelado?


As noites iluminadas pela tecnologia do homem não nos permite ver a luz de Deus. E em pleno Século 21, o que tenho visto é um grande ofuscamento das coisas divinas, das coisas que realmente importam e que trazem contentamento e calmaria ao espírito do homem.

As máquinas, o computador e a mídia, nos distancia cada vez mais do Criador do Universo e nos transforma em zumbis que nada fazem além de seguir seus hipnotizadores em busca do nada. As pessoas se trancam em suas casas e o individualismo cresce cada vez mais em seus corações. As amizades reais, foram substituídas pelas virtuais e o mundo segui as cegas sem saber para onde ir. A natureza não é mais contemplada, ao invés disso, é destruída e explorada pelo homem que perdeu sua capacidade de ouvir a voz do mundo que clama e que geme a sua dor.

Não confiem no dinheiro, o deus deste século, pois esse não compra a vida. Não compra um Céu majestoso e iluminado. Não compra o mar e suas variadas formas de vida. Não contrata a Lua para iluminar as noites dos namorados. Ele não tem o poder de parar a morte quando essa chega e nem de aliviar a dor do coração em momentos de tristeza.

Em dias caóticos e distantes de Deus, escutem a voz do mundo, ele está a lhe falar. Ouça, você pode ouvir a voz de Deus em seu coração, é só olhar para o Céu nos dias que o homem apaga suas luzes...

Obrigado, amigos!

Um comentário:

Rodrigo Carneiro disse...

Aprendemos a admirar todos os feitos do homem, somos nós que alimentamos toda essa giranda consumidora de tudo que é comum e natural...

deixamos de testemunhar um eclipse para ficarmos assistindo algo que nem lembraremos no dia seguinte.

nos tranformamos nisso...