17 janeiro 2011

Arca das Letras

Eis um programa digno de nota criado em 2003 pelo Ministério de Desenvolvimento Agrário (MDA). O programa tem como objetivo, implantar bibliotecas no meio rural para facilitar o acesso aos livros e a informação. Com isso, o programa beneficia pescadores, indígenas, agricultores familiares e comunidades ribeirinhas, levando cultura e imaginação para todos.

O programa, Arca das Letras, disponibiliza um acervo inicial de 200 livros selecionados. O acervo é formado por literatura infantil, para jovens e adultos, livros técnicos e didáticos, entre muitos outros.

Programas como esse são excelentes e ao meu ver, deveria ser implantado em comunidades rurais de todos os municípios brasileiros.

O homem do campo precisa descobrir o mundo escondido nas páginas dos livros. Aprender novos conceitos e acima de tudo saber o que é cidadania, conhecer seus direitos e deveres como cidadão, etc.

Infelizmente, a estigma de que o homem do campo não tem cultura, e que pode ser facilmente enganado, principalmente por políticos inescrupolosos, pode, e dever ser mudada com projetos como esse, que leva cultura, conhecimento e cidadania para uma parte da sociedade que vive as margens do desenvolvimento cultural do país.

Fiquei feliz ao saber que a Arca das Letras foi implantada aqui, em Colonia Leopoldina, no assentamento do INCRA em Gruta D'água. Acho que deveria ser desevolvido em outras comunidades rurais, se existesse em Colonia Leopoldina, interesse político, o que acho dificil. Afinal, para quê disponibilizar conhecimento para a massa eleitoreira do município? Se são eles que elegem, por falta de uma educação mais adequada, os políticos corruptos e omissos dessa cidade.

Para concluir, gostaria de disponibilizar para você, caro leitor, um marcador de texto do programa Arca das Letras que você adquiri clicando no link abaixo:

Marcador Arca das Letras

Flávio Pimentel

Nenhum comentário: